Página 9 de 27

O velocista Paulo André foi escolhido na noite de ontem pela CBDU como melhor atleta do Atletismo universitário no ano de 2018. Em seu primeiro JUBS, disputado em novembro de 2018 o atleta bateu os recordes nas provas do 100 metros rasos cravando 10s07 e dos 200 metros rasos com 20s59. Parabéns Paulo André e seu pai e treinador Carlos Camilo. A ADAB segue na torcida!
@iampauloandre

Esse é o cronograma do processos de transição na Federação Paulista de Atletismo que será concluído no dia 31 de maio de 2019 com a realização de novas eleições. Convidamos a comunidade do Atletismo a acompanhar esse processo para que todos os prazos sejam cumpridos e principalmente para assegurar que o processo eleitoral seja transparente e democrático.

No dia 28 de abril a Confederação Brasileira de Atletismo estará realizando em Bragança Paulista o GP Internacional de Atletismo. O Grande Prêmio Brasil CAIXA de Atletismo será a primeira etapa do "IAAF WORLD CHALLENGE 2019", evento disputado em 8 etapas nos vários continentes, necessário destacar que a etapa brasileira é a única realizada na América do Sul. O evento terá início às 13h30. A ADAB convida toda a comunidade do Atletismo a prestigiar esse grande evento, a entrada é gratuita. A CBAt está localizada em Bragança Paulista-SP na Estrada Municipal Antonio Franco de Lima, s/nº, bairro Campo Novo.

Federação Paulista de Atletismo publica em seu website a renúncia do seu ex presidente Mauro Roberto Chekin. Segundo o texto, assumirá o vice-presidente Fernando Carramenha L. de Almeida. A ADAB seguirá trabalhando visando a convocação imediata de eleições na FPA visando a democratização da entidade e que a mesma seja dirigida por pessoas do Atletismo eleitos democraticamente pelos clubes.

Hoje é dia de celebramos o aniversário do grande atleta olímpico Caio Oliveira de Sena Bonfim. Caio é o atual recordista brasileiro nos 20 km e 50 km da marcha atlética. Os recordes foram conquistados nos Jogos Olímpicos Rio 2016 e no Campeonato Mundial de Atletismo 2017 em Londres. Caio ganhou a medalha de bronze no Campeonato Mundial de Atletismo 2017. 
Nos Jogos Olímpicos Rio 2016 Caio chegou em quarto lugar, cinco segundos atrás do terceiro.
Caio é filho da grande marchadora Gianetti Sena e do treinador João Sena.
O maior presente da vida de Caio chegará em cinco meses, seu filho Miguel!
Caio Bonfim é uma das esperanças de medalha nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020.
A ADAB deseja um Feliz Aniversário com muita saúde, alegrias e prosperidade. Estamos e estaremos sempre na torcida!

A Secretaria de Esportes de Registro, a ADAB e todos os responsáveis pelo Circuito Vale do Ribeira de Atletismo comunicam sobre o adiantamento da abertura do circuito, agendada para o dia 24 de março na cidade de Registro-SP. O adiamento é necessário em face das forte chuvas que assolam a região, uma vez que a previsão é que siga chovendo forte nos próximos dias comprometendo a pista e colocando em risco a integridade física dos atletas. Uma nova data será reagendada e daremos ampla publicidade. Lamentamos o transtorno, porém nada podemos fazer quando o problema é climático. A integridade física dos atletas sempre estará em primeiro lugar. Agradecemos a compreensão de todos. Secretaria de Esportes de Registro, ADAB, e todos os responsáveis pelo Circuito Vale do Ribeira de Atletismo.

Na manhã de sexta-feira (15), foi realizada na Câmara dos Deputados o lançamento da Frente Parlamentar Mista do Esporte. A solenidade aconteceu às 10h, no Auditória Nereu Ramos, na Câmara dos Deputados. 

A Frente foi criada com o objetivo de preservar as normas constitucionais e infraconstitucionais com relação aos direitos e deveres de atletas, instituições desportivas, Conselhos Regionais e Nacionais do esporte, apoiar o estímulo a qualificação profissional dos atletas e profissionais do esporte e discutir e acompanhar a tramitação de propostas que ajudem a aperfeiçoar a legislação federal, estadual, distrital e municipal em relação à carreira.

O colegiado ainda irá atuar na proteção e direitos dos atletas e dos profissionais do esporte, no acompanhamento dos planos e programas governamentais como também do orçamento da União destinado ao esporte profissional e amador, além de discutir assuntos e proposições voltadas ao esporte como, a política, o plano nacional de educação física e desportiva e as normas gerais do desporto e da justiça desportiva.
Participaram da cerimônia atletas e representantes de confederações e federações.

“Reunimos aproximadamente 200 parlamentares que aderiram à ideia de criar essa Frente. É uma ferramenta que os atletas e presidentes de Confederações e Federações terão para chegar ao governo. Sabemos que a prioridade nunca é o esporte, a cultura. Se não tivermos pessoas engajadas que lutem por essa bandeira, o esporte vai ser sempre esquecido”, disse o deputado Júlio Ribeiro (PRB/DF), idealizador da criação dessa frente parlamentar.

“A gente fala muito que a prioridade é saúde, educação, segurança, mas o esporte tem essa magia de englobar tudo. O esporte é saúde, o esporte é educação, o esporte é segurança”, completou.

Integrantes da ADAB presentes na Copa Brasil CAIXA de Marcha Atlética realizada na cidade de Balneário Camboriú no Estado de Santa Catarina. Daiana Gambôa e Diogo Gamboa, Sérgio Galdino, vice-presidente da Federação Catarinense de Atletismo, Wlamir Motta Campos, vice-presidente da CBAt e diretor jurídico da ADAB e Luciane Deboni. A ADAB aproveita a oportunidade para saudar a CBAt, a Fundação Municipal de Esportes de Balneário Camboriú e a Federação Catarinense de Atletismo pelo belo evento. Nosso agradecimento especial ao casal de treinadores Daiana Gambôa e Diogo Gamboa pela fantástica colaboração para a realização da competição.
@galdinomarcha 
@daiagamboa 
@diogo.gamboa 
@ludeboni2

Thaissa é filha do ex-futebolista Zé Sérgio, que defendeu o São Paulo FC e a Seleção Brasileira de Futebol.

Representou o Brasil nas Olimpíadas de 2008 em Pequim, onde competiu na prova do revezamento 4x100 metros, juntamente com Lucimar Moura, Rosemar Coelho Neto e Rosângela Santos. Essa equipe de revezamento fez o tempo de 43s14, ficando em quarto lugar, atrás da Nigéria, e assim perdendo a medalha de bronze po 0,10 segundos.

Em 2016, porém, o Comitê Olímpico Internacional retirou o ouro do revezamento da Rússia, por causa de doping. Com isso, o time brasileiro tornou-se o vencedor da medalha de bronze.

Thaissa Presti de Lima já vem contribuindo com os trabalhos sociais da ADAB desde o ano passado.

Estamos imensamente felizes, é uma honra e motivo de grande alegria tê-la em nossos quadros, sua generosidade e disposição em contribuir com o fortalecimento do Atletismo nacional faz com que suas ações reflitam o brilho da sua medalha olímpica!

Muito obrigado Campeã, seja muito bem vinda!
Thaissa Presti

Hoje é dia de celebrarmos o aniversário da grande atleta Fabiana de Almeida Murer, campeã mundial, pan-americana, recordista brasileira e sul-americana da prova do salto com vara. Fabiana na verdade foi duas vezes campeã mundial da prova, em 2010 na pista coberta e em 2011 ao ar livre, seus recordes sul-americanos foram estabelecidos em São Bernardo do Campo, no Troféu Brasil de Atletismode 2016 – 4,87 m ao ar livre – e no Meeting Top Perche em Nevers, na França, em 2015 – 4,83 m em pista coberta. Além dos dois títulos mundiais Fabiana Murer possue mais duas medalhas em campeonatos mundiais, ao todo são dois ouros, uma prata e um bronze.
A ADAB parabeniza essa grande atleta enaltecendo os seus feitos que foram de grande importância para o Atletismo nacional no cenário mundial. Feliz aniversário Campeã, muito obrigado por tudo que você fez e continua fazendo pelo Atletismo nacional!
@fabianamurer 
@atletismo.brasil
Fotos: Wagner Carmo/CBAt

O sorriso pela certeza de que juntos estamos ajudando a promover as mudanças que a comunidade do atletismo sempre almejou. Esse registro do grande fotografo Wagner Carmo imortalizará esse momento, que realmente não pode ser esquecido. Essa foi a assembleia geral da CBAt mais democrática da história da Confederação. Prevaleceu o diálogo respeitoso e construtivo entre todos os "stakeholder" com assento na assembleia. Presidentes de Federações, representantes dos clubes, dos atletas, dos treinadores, dos árbitros, dos medalhistas olímpicos, todos unidos num ideal, o crescimento do atletismo nacional. A democratização é um caminho sem volta, todos aprenderam muito nessa assembleia. Na imagem temos todos os representantes da ADAB que participaram da assembleia geral. Da esquerda para a direita o presidente da ADAB e representante dos treinadores Clodoaldo Lopes do Carmo, o representante dos atletas Henrique Camargo Martins, a diretora executiva da ADAB e representante do IEMA Elisângela Maria Adriano, a represente dos atletas Joana Costa, o diretor jurídico da ADAB e vice-presidente da CBAt Wlamir Motta Campos, a medalhista olímpica e eleita representante dos atletas no Conselho de Administração Rosemar Coelho Neto, a representante das treinadoras Daiana Gamboa, o representante dos atletas Diogo Gamboa e o candidato do conselho de ética Jeferson Sabino. Com exceção de Wlamir Motta Campos e Jeferson Sabino todos os demais tem direito à voto na assembleia geral.
(Foto: Wagner Carmo/CBAt)

Ontem foi um dia muito importante e porque não dizer histórico para o atletismo brasileiro e, em especial, para a ADAB com a eleição para Vice-Presidência da CBAT do nosso diretor Jurídico Wlamir Motta Campos E do nosso Presidente Clodoaldo do Carmo para o Conselho Técnico como representante dos técnicos.

Além disto foram eleitos também para o Conselho Técnico os nossos associados Joana Costa e Diogo Gamboa como representantes dos atletas, bem como a medalhista olímpica Rosemar Maria Coelho Neto para o Conselho de Administração.

Os outros eleitos para o Conselho Técnico são:

Deraldo Oppa, representante das Federações Estaduais (SC) Claudio Castilho, representante dos clubes e Florenilson Itacaramby, representante dos árbitros.

Estamos certos que o atletismo começa a consolidar os rumos e mudanças iniciados em meados de 2016/2017 estabelecendo uma forma de gestão em total concordância com as leis vigentes em nosso país, com participação efetiva e incentivada de técnicos, atletas, árbitros, clubes e, porque não de patrocinadores além da comunidade em geral.

Parabenizamos a todos os eleitos e fazemos votos para que realizem um excelente gestão pautados pelo fomento, democratização e transparência do atletismo.

Estejam todos certos de que a ADAB continuará a fazer o controle social da CBAT cobrando de seus diretores e associados eleitos uma postura que honre os cargos e funções assumidas assim como cobraremos que preservem o bom nome da ADAB conforme consta em nosso estatuto.

Hoje, 12 de março, é dia de celebrarmos os 56 anos do mito, lenda, ídolo, cidadão do mundo e ETERNO CAMPEÃO JOAQUIM CRUZ! A ADAB rende homenagens a esse brasileiro, ídolo do atletismo mundial ao conquistar aos 21 de idade o Ouro Olímpico nas Olimpíadas de Los Angeles em 1984, mais do que isso, Joaquim Cruz bateu o recorde olímpico da prova dos 800 metros com a marca de de 1:43.00. Antes disso, em 1981, Joaquim Cruz já havia batido o recorde Mundial Juvenil da prova com 1:44.3. Até hoje Joaquim Cruz detém o recorde brasileiro e sul-americano mais antigo do atletismo, a marca de 1:41.77 foi registrada em 26 de agosto de 1984, na cidade de Colônia na Alemanha, ou seja, há quase 35 anos. Podemos definir Joaquim Cruz numa única palavra, SUPERAÇÃO! Apesar do talento e uma condição genética excepcional, ele sofreu com graves problemas físicos, nasceu com uma perna dois centímetros mais curta que a outra, passou por oito cirurgias ao longo da carreira, mas nunca desistiu. Fora das pistas, ultrapassou as barreiras das próprias dificuldades sociais para estudar e se formar nos Estados Unidos e se transformar em um cidadão do mundo. Joaquim Cruz prova que a força de um atleta não está apenas no corpo, mas na mente, no seu caráter e dignidade. SALVE JOAQUIM CRUZ, MUITO OBRIGADO PELA SUA HISTÓRIA DE VIDA, PELO SEU EXEMPLO E POR TUDO QUE VOCÊ REPRESENTA PARA O ATLETISMO MUNDIAL. A ADAB O APLAUDE EFUSIVAMENTE!

A ADAB desde a sua criação em 2015 sempre lutou pela transparência e democratização no atletismo e na Confederação Brasileira de Atletismo. No ano passado fomos convidados pela Comissão do Esporte da Câmara dos Deputados à participar das negociações que resultaram na aprovação da MP convertida na Lei 13.756 de 12 de dezembro de 2018. Dentre outros pontos, essa lei alterou a Lei Pelé visando a democratização na governança das entidades nacionais de práticas esportivas (Confederações). A principal mudança foi assegurar aos atletas a representação corresponde a 33,3% dos votos. Ocorre que equivocadamente a CBAt insiste em assegurar aos atletas menos de 9% dos votos nas assembleias; a única exceção é para os votos em assembleias eleitorais, onde está assegurado 1/3 dos votos da assembleia. Contamos com o bom senso da entidade e a responsabilidade da assembleia geral para corrigir esse equívoco, caso contrário certamente a CBAt não conseguirá a renovação da sua certificação, como já aconteceu no ano passado, e com isso não poderá receber recursos públicos. A democratização no esporte é um caminho sem volta, o estatuto da CBAt não pode estar acima da lei. As maiorias devem ser construídas através do diálogo com todas as categorias com assento na assembleia, jamais através de imposição. A ADAB não irá recuar na sua luta pela democratização. A eventual discordância da CBAt com o equilíbrio de forças estabelecido em lei deverá ser discutido junto ao Poder Executivo e no Congresso Nacional, e não na sua assembleia geral.

Na próxima quarta-feira, dia 13 de março, serão realizadas eleições na CBAt durante a realização das assembleias gerais ordinária e extraordinária. A ADAB convida toda a comunidade do Atletismo a acompanhar atentamente as assembleias, que serão transmitidas através do Facebook da CBAt. É inegável que o processo eleitoral está muito aquém do realizado em 2018, é explícito o retrocesso com relação a transparência que deve nortear um processo eleitoral. Para as eleições 2019 sequer foi composta uma comissão eleitoral, às vésperas da eleição a comunidade do Atletismo não foi informada sobre quem são os candidatos, o prazo para registro de candidaturas se encerrou no dia 20 de fevereiro e não houve nenhuma publicação com a homologação das candidaturas. Necessário destacar que todas as candidaturas precisaram do apoio de integrantes da assembleia geral para o registro de suas candidaturas, ocorre que nem mesmo os integrantes da assembleia geral (eleitores) foram comunicados sobre quem indicou os candidatos, e se os mesmos têm relação com o Atletismo. A ADAB vê esse fato com extrema preocupação, pois a falta de transparência e clareza no processo levanta uma série de dúvidas quanto aos reais motivos de não terem seguido o modelo eleitoral transparente e imparcial empregado nas eleições 2018 realizadas no Troféu Brasil, que contou inclusive com a presença de observadores externos como o presidente do comitê de ética do COB. A ADAB não aceitará nenhum retrocesso no processo de democratização e transparência do Atletismo nacional. Acompanhem as eleições! As imagens são do processo eleitoral de 2018!

Feliz Dia da Mulher! A ADAB presta essa singela homenagem a quem com força, sabedoria e delicadeza transforma o dia a dia em algo suave e encantador. Parabéns Mulheres Maravilhosas!

Página 9 de 27

Parceiros